• Coach Vitor

Aluno da semana - Dani e Léo Guanabara


O destaque dessa semana é o casal Dani e Léo Guanabara. Ela é enfermeira do INCA e ele engenheiro da Petrobrás, moram em Botafogo e treinam na unidade Bambina a noite.

“Ex-atletas” de handebol e basquete na época de escola, desde então Dani seguiu pagando academias, mas não indo e Léo passando por diversas modalidades sem durar em nenhuma, até encontrarem o CrossFit em novembro do ano passado. Os desafios e a superação de cada dia e o ambiente e o clima das aulas são o que mais motivam eles a treinarem, mas Dani gosta dos treinos mais longos e Léo dos mais curtos. O hobby da Dani é fotografia e do Léo é assistir esportes na TV, mas a comida lixo favorita dos dois é hambúrguer.

Conheça mais sobre eles na entrevista abaixo.

Com o que vocês trabalham?

Dani: Enfermeira no Instituto Nacional do Câncer (INCA);

Léo: Engenheiro na Petrobras.

Onde vocês moram?

Moramos em Botafogo.

Você são casados? Tem filhos?

Casados e sem filhos.

Quais são seus hobbies?

Dani: Fotografia. Fazer fotos e editá-las se transformam em horas de distração.

Léo: Sou viciado em esportes. Acompanho qualquer campeonato televisionado. NFL, NBA, futebol de diversos países e campeonatos de tênis são os meus favoritos.

Qual o histórico de atividade física de vocês?

Dani: Fui "atleta" de handebol na época de escola. Depois disso, passei a pagar academia como poucos.

Léo: Uma promessa do basquete até uns 16 anos (hahaha). Logo depois, passei a vagar por diversas modalidades sem durar mais do que 6 meses em todas elas.

Quando vocês começaram no CrossFit e em qual unidade vocês treinam?

Resolvemos tentar uma aula experimental na Bambina em novembro de 2016. Desde então, somos clientes fiéis da melhor unidade do CrossFit Corcovado.(sic)

Como vocês acharam o CrossFit e porquê quiseram começar?

Léo: Eu estava praticando natação numa academia em Botafogo, mas, insatisfeito com a rotina de treinos, resolvi buscar uma nova opção. Depois de ouvir vários amigos comentando sobre o CrossFit, resolvi buscar uma box nas redondezas de nossa casa.

Dani: Eu seguia firme pagando academia (hahahaha). Cheguei a fazer uma aula experimental com Léo, mas ele começou a treinar na box antes de mim. A empolgação dele era nítida e resolvi checar: “ou é mulher ou o CrossFit salva almas...” Continuo casada e treinando 4 vezes na semana.

O que motiva vocês a vir para a box todo dia?

Dani: Ver a evolução do corpo, da alimentação, da disposição e superar algumas limitações é um ponto. O clima que encontramos todos os dias na box para treinar tem contribuição paritária.

Léo: Meu voto acompanha a relatora. Os desafios de cada treino e o ambiente na box são fundamentais para manter a motivação diária.

Qual o movimento favorito de vocês no CrossFit e porque?

Dani: Deadlift. Acredito que por ser um dos movimentos que tive melhor evolução.

Léo: Pull-up. Apesar de estar longe de dominar o movimento, gosto da exigência de movimentação corporal, força e dinâmica imposta para uma sequência de pull-ups.

Qual o benchmark favorito de vocês no CrossFit e por que?

Dani: “Kelly”. Gosto do treino com movimentos variados (principalmente os aeróbicos) e com tempos mais longos.

Léo: “Helen”. Gosto dos treinos mais curtos com sequências que exigem maior dinâmica em sua execução.

Qual o super-herói favorito de vocês?

Vocês estão falando dos super-heróis mesmo ou dos ‘benchmarks’?? Hahaha.

Bem, se for o caso dos super-heróis mais conhecidos, gostamos do Homem Aranha. O senso de humor do personagem é sensacional.

Se estiverem falando dos ‘benchmarks’, o hero “Murph” é o favorito (coisa de maluco). Já que é para morrer, então que seja com estilo.

Qual foi o ultimo livro que vocês leram e qual era o assunto?

Dani: “30 dias para mudar”. Apresenta o badalado programa Whole 30.

Léo: “Fora de série” (Outliers). O livro aborda casos de carreiras bem-sucedidas, destacando diferentes fatores que influenciaram tais resultados. A ideia principal é mostrar que ninguém se faz sozinho.

Qual é a comida lixo favorita de vocês?

Dani e Léo: Hambúrguer.

O que vocês aprenderam sobre vocês mesmo desde que começram no CrossFit?

Dani: Que atividade física dá prazer. Que me alimentar melhor não é tão duro assim. E que limite é coisa da nossa cabeça; com dedicação e esforço (E com a melhor box do Brasiiiiiil!) Os limites vão sendo quebrados.

Léo: Reaprendi a encontrar o equilíbrio entre satisfação mental e saúde para o resto do corpo nas atividades físicas.

O que vocês diriam a alguém pensando em começar o CrossFit?

Dani: Não precisa mais pensar! Até para os mais resistentes, o CrossFit muda vida e hábitos pra melhor! Vem ser mais feliz fazendo CrossFit!

Léo: Dê uma chance ao CrossFit. Até então, não conheci nada mais completo para o corpo e para a mente. E se vai começar, vai no CrossFit Corcovado! Casal que treina junto tem desconto. Hahaha.

Qualquer outra coisa que vocês gostariam de compartilhar com a Família Corcovado?

Queríamos agradecer pela atenção e carinho dos Coaches e companheirismo dos demais amigos da Família Corcovado. Vocês são demais!!

Obrigado Dani e Léo, é um orgulho ter vocês treinando e se superando conosco a cada dia!

Gostou dessa entrevista? Compartilhe com seus amigos!

Se tiver alguém que queira indicar para aparecer aqui, deixe sua sugestão nos comentários!

Conheça os outros alunos destaques aqui.


0 visualização
Endereços

Unidade Humaitá

Rua Voluntários da Pátria, 470 (Sobrado)

Botafogo - Rio de Janeiro - RJ

CEP: 22270-010

Unidade Bambina

Rua Bambina, 147
Botafogo Rio de Janeiro - RJ

CEP: 22251-050