Endereços

CrossFit Corcovado

Rua Voluntários da Pátria, 470 (Sobrado)

Botafogo - Rio de Janeiro - RJ

CEP: 22270-010

CrossFit Corcovado 2

Rua Bambina, 147
Botafogo Rio de Janeiro - RJ

CEP: 22251-050

  • Coach Vitor

A maneira como você aborda o WOD é fundamental para o seu resultado!


Você chega na box, olha o quadro e tem aquele movimento que você detesta/não sabe fazer direito! Isso é normal, acontece com todo mundo, todos nós temos movimentos/WODs preferidos e outros que não gostamos, o que muda em cada pessoa é a maneira de abordar a situação. Nossa mente é poderosa, ela tem a capacidade de nos fazer superar limites mas também pode nos fazer desmoronar sob pressão.

Qualquer um pode ter uma mente forte, é apenas uma questão de treino.

Aqui vão algumas dicas para implementar no dia-a-dia e mudar a maneira como você aborda o WOD, principalmente naqueles dias com burpee (ou corrida) ;)

1- Mude sua mentalidade antes do treino

Sabe aquela conversa mental que temos o tempo inteiro? Ela pode ser muito poderosa mas também pode ser extremamente destrutiva. Você não quer tentar se enganar, mas alguns pensamentos positivos serão muito mais benéficos do que ficar se lamentando. Falar para si mesmo coisas como 'eu consigo’, 'hoje tá fácil', 'só mais uma rep' são formas de fazer isso. Seguir pensando durante o WOD 'volte para a barra', essa rep/volta já foi', etc. também vai te ajudar a seguir avançando.

2 – Divida o treino em partes

Muitas vezes, um treino mais longo pode mexer com a cabeça da gente. Em vez de olhar para o treino inteiro e ficar desesperado, divida-o em partes. Por exemplo, se você estiver fazendo um treino com muitos rounds, concentre em um round por vez e crie metas para cada um deles. Enquanto estiver buscando sua meta no primeiro round, você não deve nem pensar nos outros. Seu foco precisa estar no que você está fazendo agora. Ficar com a cabeça no que ainda está por vir só vai deixar o treino ainda mais longo e desconfortável.

3 – Deixe o seu ego de lado

Muitas pessoas evitam tentar certas coisas por não se acharem "boas" o suficiente. A verdade é, você não vai ficar melhor evitando as suas fraquezas. Se comparar com outras pessoas e estar muito preocupado se vai conseguir ou não, certamente vai mantê-lo longe do sucesso. Minha dica é, esqueça a ideia de que você precisa ser bom em algo antes mesmo de tentar!

4 – Use um outro ponto de vista

Pense na aula como uma oportunidade para praticar e desenvolver uma fraqueza. Não é ruim quando tem um movimento que você não é bom, justamente o contrario. Afinal, você precisa praticar o que você ainda não domina para poder melhorar. Veja a aula como uma oportunidade para aprender.

5 – Tenha autoconfiança

Quanto mais a gente duvida de nós mesmos mais a gente se prepara para fracassar. Você não precisa chegar ao ponto de ser arrogante, mas um pouco de autoconfiança é fundamental para lidar com algo que você não se sinta superconfortável. E mesmo que você não tenha essa autoconfiança, finja que tem. Tenha confiança pelo menos na sua capacidade de aprender, melhorar e progredir. Pode ser que naquele dia você ainda não consiga fazer aquele movimento mas acredite em si mesmo e se dê a oportunidade de crescer e se desenvolver como atleta.

A maneira como a gente aborda um WOD pode ser transferida para qualquer situação desconfortável na vida. A mentalidade positiva é muito forte e pode ser praticada a todo momento. Dê um credito a si mesmo!

Gostou dessas dicas? Compartilhe com seus amigos para eles também terem a oportunidade de usar essa positividade em suas vidas!


108 visualizações